sinais que sua ave pode dar quando esta doente

Identificando algum desses sinais, siga as instruções abaixo antes de levar sua ave para o Centro de Medicina de Aves:

  • Mantenha a ave em local aquecido (cerca de 30°C no local de sua permanência e durante o deslocamento para atendimento).
  • Não molhe uma ave doente (as aves quando estão doentes perdem muito calor para o ambiente, isso pode agravar seu estado clínico)
    Não alimente com papinha ou injete líquidos no bico da aves se não tiver orientação veterinária (aves muito debilitadas, por conta da fraqueza, apresentam enjôo ou incapacidade de manter alimentos líquidos dentro do papo. Ao regurgitar o alimento, a ave poderá aspirar este conteúdo e morrer asfixiada).
  • Fotografe os excrementos (a maioria dos problemas de saúde em aves afetam órgãos como os rins e o fígado e apresentam anormalidade na consistência, volume e coloração das fezes e urina. A identificação destas alterações, ajudam muito a avaliação do estado do animal e no diagnóstico do problema).
  • Em caso de sangramento: Se sua ave estiver sangrando, estanque o sangramento imediatamente. Contenha a ave com cuidado e peça para uma pessoa pressionar o local com um algodão ou algo semelhante para tentar estancar o sangramento antes de você sair de casa para a clínica. Qualquer perda de sangue para uma ave é bastante significativa.
  • Em caso de fraturas: Jamais tente realizar uma imobilização em casa, imobilizações inadequadas poderão agravar os problemas. Em suspeitas de fraturas o tutor da ave deverá providenciar uma caixa de papelão ou similar, fazer alguns furos para a ventilação e forrar com bastante papel picado, de forma que o piso da caixa fique confortável e macio para a ave. O animal deve ser encaminhado imediatamente para atendimento veterinário, aves traumatizadas sentem muita dor, não beberão água ou irão se alimentar adequadamente, a demora pelo socorro provocará desidratação e hipoglicemia no animal, agravando o seu estado se saúde, além de aumentar o risco da fratura se tornar exposta e do animal chegar a óbito.